Tecnologia ajuda secretarias a combaterem proliferação do mosquito da dengue

O aplicativo pode ser instalado em smartphones com sistema Android.

A proliferação do mosquito Aedes Aegypti e Aedes Albopictus, principais vetores (transmissores) da dengue, colocam em alerta as autoridades de saúde pública e desafia gestores municipais a controlar focos da doença nas cidades. Ferramentas de tecnologia como a plataforma Aprepara, oferecida em parceria com a Dígitro Tecnologia, oferece a possibilidade de monitoramento em tempo real de fiscais e agentes sanitários, conferindo um panorama micro geográfico da realidade de infestação no município.

“Com o Aprepara é possível que a secretaria de saúde, de forma prévia, trace rotas para que os agentes efetuem a supervisão dos locais com focos de dengue na cidade. Além disso, o gestor pode ter uma visão em tempo real (geográfica) de onde estão todos os seus agentes e quais trabalhos estão efetuando no momento, inclusive a gestão do tempo das atividades”, afirma Roberto Rachadel da Silva, gerente de produto da Dígitro Tecnologia, que está auxiliando clientes municipais nesta ação de combate à Dengue e outras endemias relacionadas como Chikungunya e Zika.

A Dígitro prevê uma integração do Aprepara com a solução Interact Manager, que permite que ao receber uma ligação no Interact, automaticamente abra a tela do Aprepara para preenchimento da Ordem de Serviço. O sistema puxa informações automaticamente como Protocolo, Telefone (se for ligação), Nome (caso seja chat), facilitando o trabalho do agente em campo. 

O  Aprepara é uma plataforma composta por um portal web e uma aplicação mobile. O aplicativo pode ser instalado em smartphones com sistema Android. Ele permite que o usuário (agente de zoonoses ou fiscais) que executa as atividades em campo, seja ele um colaborador ou mesmo terceirizado da prefeitura,  visualize e organize sua lista de tarefas, inclusive requisitando reforços de equipe, utilização de materiais e ferramentas adicionais e conta com diversos recursos que garantem a qualidade do serviço realizado, registrando tickets de horário, posicionamento geográfico, permitindo o registro fotográfico (evidências) e assinatura do cliente (ou envolvido), seja em tempo real ou  mesmo off-line, caso não exista cobertura de internet na localidade em que os serviços são prestados. 

Fonte: Tribuna da Bahia, Abril 2023.

Achou este conteúdo útil? Compartilhe!

Como posso te ajudar?

Como posso te ajudar?

Chat by Interact, da Dígitro


DÍGITRO TECNOLOGIA – TODOS OS DIREITOS RESERVADOS © 2024